Inovação

Apoio

Um “whisky 12 anos” produzido em poucos dias? Essa é a promessa da Bespoken Spirits

A startup se define como a “Nespresso das bebidas destiladas” e reduz o tempo de maturação em barris de madeira para dias. A startup acaba de receber um aporte. E deve enfrentar também a fúria da Associação do Whisky Escocês, que promete lutar na Justiça contra empresa

 

MAIS UMA DOSE: Bespoken Spirits tem seus produtos vendidos na Califórnia, Wisconsin e Nova York

Tempo é dinheiro. O velho ditado parece inspirar a startup americana Bespoken Spirits, que está virando de cabeça para baixo um antigo e tradicional método de produção e encurtando para dias o processo de envelhecimento de bebidas destiladas.

Com sede no Vale do Silício, a startup se diz uma espécie de “Nespresso das bebidas destiladas”, uma vez que seu maquinário processa whisky, rum e brandy entre três e cinco dias. Em geral, essas bebidas levam anos envelhecendo em barris de madeira.

Em vez de colocar o destilado num barril e esperar passivamente a natureza fazer o seu trabalho, a startup usa uma tecnologia patenteada para controlar ativamente todo o processo e as reações químicas para fornecer bebidas destiladas personalizadas.

“Somos capazes de fazer isso em apenas alguns dias, em vez de décadas ”, disse Stu Aaron, cofundador da empresa, ao site americano Techcrunch. Nesta semana, a Bespoken Spirits levantou uma rodada de seed money de US$ 2,6 milhões de Derek Jeter, um dos principais jogadores de baseball de todos os tempos, do empresário da área de semicondutores T.J. Rogers e da vinícola Clos de la Tech.

Aaron, formado em engenharia elétrica, fundou a Bespoken Spirits em 2018, ao lado do sócio e amigo Martin Janousek, engenheiro químico com phD em ciências de materiais. Os dois empreendedores garantem que sua tecnologia é capaz de induzir, quimicamente, o destilado a ter a cor, o aroma e a textura de whiskies, runs e bourbons envelhecidos em barris convencionais de madeira.

A produção do destilado da Bespoken Spirits se dá por meio da coleção e da análise de dados, que contam com o refinamento de um painel de degustação. Isso significa que profissionais gabaritados “descrevem” o produto para o algoritmo.

Com essas informações, o sistema vai se aperfeiçoando e ajustando os processos de acordo com o resultado desejado. “Eu frequentemente digo que nossa empresa é um cruzamento entre a companhia de mapeamento genético 23andme, a de cápsulas de café Nespresso e a de alimentos veganos Impossible Foods”, disse Aaron.

Mas não é o que pensa a Associação do Whisky Escocês (SWA, na sigla em inglês), que não aprovou a novidade. A SWA alega que a maturação em barris é um requisito legal para comercializar um produto com o rótulo de whisky.

“Outras bebidas, feitas com outras técnicas, devem ser rotuladas de uma maneira distinta para evitar que se aproveite da reputação de algo estabelecido”, defendeu a SWA, em comunicado oficial. A instituição se prepara para entrar com uma ação legal contra a startup.

Na Europa, uma bebida precisa passar pelo menos três anos dentro de um barril para ser chamada de whisky. Os Estados Unidos, no entanto, não impõem essa especificação.

Apesar das polêmicas, a Bespoken Spirits ganhou alguns prêmios neste ano, como  a medalha de ouro na World Spirit Competition, de São Francisco. E foi eleita a melhor da categoria na American Distilling Institute’s Judging of Craft Spirits.

Na Europa, uma bebida precisa passar pelo menos três anos dentro de um barril para ser chamada de whisky

A equipe da startup defende também o processo tecnológico de “maturação” pelo ponto de vista sustentável. De acordo com ela, a técnica tradicional de envelhecimento em barril desperdiça pelo menos 20% do destilado na evaporação.

A empresa estuda atuar em três frentes: vender sua própria marca de bebidas, comercializar o serviço de maturação para outros produtores e desenvolver bebidas alcoólicas exclusivas para varejistas, bares e restaurantes.

A Bespoken Spirits já tem seus produtos comercializados na Califórnia, Wisconsin e Nova York. A startup não revelou o seu volume de produção e nem o valor de seus serviços.

Uma garrafa de 750ml de bourbon da marca, no entanto, é vendida por US$ 34,99 em alguns sites de varejo especializado em bebidas alcoólicas. Segundo alguns críticos, os destilados da Bespoken Spirits são fáceis ao paladar, mas evidenciam sua jovialidade.

Siga o NeoFeed nas redes sociais. Estamos no Facebook, no LinkedIn, no Twitter e no Instagram. Assista aos nossos vídeos no canal do YouTube e assine a nossa newsletter para receber notícias diariamente.

Leia também

UM CONTEÚDO:

NEOFEED REPORT

Baixe o relatório “O mapa de ataque das grandes empresas”

VÍDEOS

Assista aos programas CAFÉ COM INVESTIDOR e CONEXÃO CEO