Negócios

Zoom desembolsa US$ 14,7 bilhões em aquisição para ir além das videoconferências

Empresa comprou a Five9, companhia americana de softwares na nuvem para o segmento de contact centers. Com o acordo, a Zoom amplia sua presença em clientes corporativos e adiciona um mercado endereçável de US$ 24 bilhões

 

A Zoom está avaliada em US$ 106,6 bilhões

Poucas companhias ganharam tanta evidência na pandemia quanto a Zoom. Os números atestam esse salto de popularidade. De uma cotação de US$ 67,60, no fim de fevereiro de 2020, as ações da companhia de videoconferência chegaram ao patamar de US$ 559 na Nasdaq, em outubro do ano passado.

De lá para cá, no entanto, os papéis da companhia têm oscilado diante do avanço de concorrentes como a Microsoft e Google em seu espaço. Como resposta, a empresa decidiu não apenas proteger seus domínios, mas também, explorar outras fronteiras.

Nessa direção, a empresa não está economizando esforços – e dólares, como ficou claro em um anúncio feito no domingo, 18 de julho. A Zoom anunciou a aquisição da Five9, companhia americana de softwares na nuvem para o segmento de contact centers. O acordo foi fechado por cerca de US$ 14,7 bilhões.

“Estamos procurando continuamente formas de aprimorar nossa plataforma e a incorporação da Five9 é um ajuste natural que proporcionará ainda mais valor aos nossos clientes”, afirmou Eric S. Yuan, fundador e CEO da Zoom, em comunicado sobre a transação.

Ele acrescentou: “Acreditamos que esta aquisição cria uma plataforma líder de engajamento do cliente que ajudará redefinir como as empresas de todos os portes se conectam com seus clientes. Estamos entusiasmados em unir forças com a Five9.”

No comunicado, a Zoom destacou que o negócio amplia sua presença junto aos clientes corporativos e adiciona um mercado endereçável de contact center estimado em US$ 24 bilhões ao universo da companhia. A Five9 tem uma base de mais de 2 mil empresas clientes em todo o mundo.

Além de ressaltar as oportunidades de vendas cruzadas nas respectivas bases das duas operações, empresa observou que o acordo complementa a oferta do Zoom Phone, o seu serviço de telefonia na nuvem.

Segundo a empresa, após a conclusão da negociação, que já foi aprovada pelos Conselhos de Administração das duas companhias, a Five9 será incorporada como uma unidade operacional da Zoom. A divisão em questão será comandada por Rowan Trollope, CEO da Five9.

Essa é a maior aquisição já realizada pela Zoom. Em junho desse ano, a empresa havia comprado da Kites GmbH, empresa de software de tradução automática. No ano passado, a companhia incorporou a starturp Keybase, para desenvolver recursos de criptografia para o seu serviço de videoconferência.

Avaliada em US$ 106,6 bilhões, a Zoom reportou uma receita de US$ 956,2 milhões em seu trimestre fiscal encerrado em 30 de abril. O montante representou um crescimento de 191% na comparação com igual período, um ano antes.

Leia também

UM CONTEÚDO:

BRAND STORIES

VÍDEOS

Assista aos programas CAFÉ COM INVESTIDOR e CONEXÃO CEO