Insiders

Com IPO, Roblox avança de fase e entra para o “jogo” de Wall Street

A plataforma americana de games quer abrir capital no início de 2021 e busca uma avaliação de US$ 8 bilhões. Com mais de 115 milhões de usuários mensais ativos, a empresa se diferencia por compartilhar suas vendas com desenvolvedores que, apenas neste ano, devem receber um total de US$ 250 milhões

 

Roblox permite que desenvolvedores lucrem com suas criações

Fundada em 2006, a americana Roblox prepara sua entrada no “jogo” de Wall Street. Dona de uma plataforma de games para consoles e dispositivos móveis,  a empresa confirmou na segunda-feira que deu entrada na documentação para negociar suas ações na bolsa de valores. A expectativa é que o IPO aconteça no início de 2021.

Ainda não está definido se o caminho trilhado até a bolsa será percorrido via listagem direta ou tradicional. Segundo a empresa, o modelo será escolhido “de acordo com as condições do mercado”.

Com sede na Califórnia, a Roblox espera atingir um valor de mercado de até US$ 8 bilhões no IPO. O valor é o dobro da sua última avaliação, cravada em fevereiro, quando a empresa levantou US$ 150 milhões numa rodada série G de investimento, liderada pela Andreessen Horowitz. 

No total, a companhia captou US$ 335,7 milhões em oito rodadas de investimentos, junto a fundos como First Round Capital, Temasek, Tiger Global, Altos Ventures e Greylock. 

No modelo da companhia, desenvolvedores podem criar seus próprios personagens e narrativas. Para os usuários, o acesso à plataforma é gratuito. A receita da empresa vem da venda de itens disponíveis nos jogos. 

A Roblox destina uma margem de 30% sobre qualquer compra feita aos desenvolvedores que, neste ano, devem receber um total de US$ 250 milhões, ante os US$ 110 milhões de 2019. 

Até fevereiro, a Roblox contava com 2 milhões de criadores ativos e uma rede de 50 milhões de games. O número de usuários é ainda mais expressivo: são 115 milhões de jogadores ativos todos os meses, contabilizando uma média de 1,5 bilhão de horas mensais de engajamento. Só nos Estados Unidos, um terço dos jovens com menos de 16 anos está na plataforma. 

Para Matthew Ball, sócio do Makers Fund, fundo de venture capital que investe em startups de entretenimento, a “Roblox é dona de uma história incrível que por muito tempo foi ignorada e subjugada”. 

Ao NeoFeed, o investidor chama atenção para o fato de que a companhia teve 3 bilhões de horas de engajamento apenas no mês de julho. “Trata-se de uma das maiores experiências midiáticas da história”.

A Roblox já captou US$ 335,7 milhões em oito rodadas de investimento, junto a fundos como First Round Capital, Temasek, Tiger Global e Andreessen Horowitz

A Roblox deve chegar à bolsa poucos meses depois do IPO de sua concorrente, a Unity Software. A empresa levantou US$ 1,3 bilhão e foi avaliada em US$ 13,6 bilhões. E, mesmo com uma operação deficitária, embalou os investidores e disparou mais de 60% desde sua estreia no mercado, em 18 de setembro. 

Quem também deve avançar para a fase do mercado de capitais é a Skillz, que chegará a Wall Street por meio de uma joint-venture com uma SPAC, como são conhecidas as Special Purpose Acquisition Companies.

A expectativa é que a startup, que permite monetizar competições de qualquer jogo disponível em iOS ou Android,  seja avaliada em US$ 3,5 bilhões nesse processo. 

Os gastos dos consumidores americanos com videogames atingiram a cifra recorde de US$ 11,6 bilhões no segundo trimestre. O montante representou um salto de 30% em relação ao mesmo período de 2019, de acordo com a empresa de pesquisas NPD Group.

Siga o NeoFeed nas redes sociais. Estamos no Facebook, no LinkedIn, no Twitter e no Instagram. Assista aos nossos vídeos no canal do YouTube e assine a nossa newsletter para receber notícias diariamente.

Leia também

UM CONTEÚDO:

NEOFEED REPORT

Baixe o relatório “O mapa de ataque das grandes empresas”

VÍDEOS

Assista aos programas CAFÉ COM INVESTIDOR e CONEXÃO CEO