Negócios

A chapa esquentou: Burger King fecha todas as suas lojas no País

Sob o impacto do coronavírus, rede vai suspender as atividades de suas 900 lojas físicas no mercado brasileiro. Operação seguirá com delivery, drive-thru e retirada de pedidos pelos consumidores

 

A rede Burger King é mais um nome do varejo a suspender sua operação de lojas físicas na esteira da crise do coronavírus. Os mais de 900 restaurantes da rede no País, que incluem as unidades do Popeyes, fecham as portas a partir da próxima segunda 23.

Com as lojas fora de operação, a empresa seguirá atendendo os pedidos via delivery, drive-trhu e aqueles retirados pelos consumidores nas unidades. Nas entregas, a rede está presente nos aplicativos do Uber Eats, Rappi e iFood.

“Serviços essenciais como hospitais, farmácias e o setor de alimentação não podem parar nesse momento, pois são setores chave para ajudar a população nessa etapa difícil”, afirmou Iuri Miranda, presidente da rede no País.

O anúncio segue a decisão divulgada no fim da tarde de ontem pelo McDonald’s. Depois de fechar os salões de seus restaurantes nos Estados Unidos, a rede adotou o mesmo caminho no Brasil. Assim como o Burger King, a medida vale a partir de segunda-feira para as mais de mil lojas da empresa no País.

“Mesmo compreendendo que fornecemos um serviço essencial, esse é o momento de pensar na proteção dos nossos funcionários, clientes e comunidade, e ter uma visão de longo prazo para o nosso negócio”, observou Paulo Camargo, presidente da operação no Brasil.

No caso do Burger King, a medida chega depois de a rede reportar uma receita líquida de R$ 2,86 bilhões no País, em 2019. O desempenho nessa linha do balanço foi 22,1% superior à cifra apurada em 2018.

Já o lucro líquido no período recuou 45,5%, para R$ 69,8 milhões. A companhia atribuiu parte da queda ao efeito não recorrente do reconhecimento do imposto de renda diferido ativo no valor de R$ 30 milhões, em 2018.

O ano foi marcado pela expansão da rede, com a abertura de 121 restaurantes. No fim de 2019, o grupo, que conta com mais de 15 mil funcionários no Brasil, somava 912 lojas. Desse total, 41 unidades são da Popeyes, bandeira que chegou ao País em novembro de 2018 e que tem todas as suas unidades localizadas em shopping centers no estado de São Paulo.

Siga o NeoFeed nas redes sociais. Estamos no Facebook, no LinkedIn, no Twitter e no Instagram. Assista aos nossos vídeos no canal do YouTube e assine a nossa newsletter para receber notícias diariamente.

Leia também

UM CONTEÚDO:

VÍDEOS

Assista aos programas CAFÉ COM INVESTIDOR e CONEXÃO CEO