Negócios

Stone sobe a oferta pela Linx e reduz multas em 25%

Stone ofereceu R$ 35,10 por ação da Linx, um aumento de 3,9% em relação a oferta anterior e superior a proposta da Totvs

 

A disputa por quem vai ficar com a desenvolvedora brasileira de software para varejo Linx ganhou um novo capítulo nesta terça-feira, 1º de setembro.

A Linx informou, em fato relevante, que a Stone subiu sua oferta, superando a proposta feita pela Totvs.

De acordo com a nova proposta, a Stone vai pagar o equivalente a R$ 35,10 por ação. Na proposta anterior, a Stone pagava o equivalente R$ 33,7625 por cada ação da Linx. Ontem, as ações da Linx fecharam cotadas a R$ 35,58 na B3.

Com a nova oferta, a Stone avalia a Linx em R$ 6,283 bilhões, um aumento de 3,9% sobre o valor anterior.

A oferta da Totvs, que era parte em dinheiro e parte em ações da empresa, era de R$ 34,09 por ação da Linx.

A Stone está também reduzindo a multa prevista no acordo de associação de R$ 605 milhões para R$ 473,7 milhões caso a transação fosse fechada com um terceiro.

Além disso, a multa compensatória em caso de não aprovação da aquisição pela Stone pelos acionistas da Linx em assembleia geral foi reduzida de R$ 151 milhões para R$ 112,5 milhões.

Mais informações a seguir.

Siga o NeoFeed nas redes sociais. Estamos no Facebook, no LinkedIn, no Twitter e no Instagram. Assista aos nossos vídeos no canal do YouTube e assine a nossa newsletter para receber notícias diariamente.

Leia também

UM CONTEÚDO:

NEOFEED REPORT

Baixe o relatório “O mapa de ataque das grandes empresas”

VÍDEOS

Assista aos programas CAFÉ COM INVESTIDOR e CONEXÃO CEO