PicPay contrata Rômulo Dias e reforça seu management

Companhia traz um dos principais nomes do mercado de meio de pagamentos para ser vice-presidente financeiro, relações com investidores e novos negócios. Executivo, que já presidiu a Cielo e a PagSeguro, deverá liderar uma onda de aquisições

0
76
Leia em 2 min

Rômulo Dias foi presidente da Cielo e da PagSeguro ( Foto: Márcio Fernandes de Oliveira/Estadão Conteúdo)

Depois de contratar Eduardo Chedid, ex-presidente da bandeira Elo, para assumir a área de serviços financeiros, o PicPay engrossa ainda mais o seu management de olho em uma abertura de capital que pode acontecer tanto na B3 como na Nasdaq.

A empresa, presidida por José Antônio Batista, acaba de contratar o executivo Rômulo Dias para ser vice-presidente financeiro, de relações com investidores e novos negócios. Além de comandar a área financeira do PicPay, Dias será responsável por garimpar oportunidades no mercado.

“Ele vai buscar empresas para comprar”, diz uma fonte a par da chegada de Dias no PicPay. Com 45 milhões de usuários e R$ 49,6 bilhões movimentados no ano passado, a empresa tem passado por uma profunda revolução e trazido nomes de peso para o seu corpo de executivos.

Rômulo Dias conhece o mercado de meios de pagamento como a palma de sua mão. Ele foi presidente da Cielo, da PagSeguro e um dos principais executivos do Bradesco. É um executivo que sabe se comunicar bem com o mercado. “Converso com o José Antônio há mais de três anos. Agora deu liga”, disse Dias ao NeoFeed.

Desde que saiu da PagSeguro, há quase dois anos, ele estava analisando propostas e a do PicPay foi a que mais atraiu por conta do ambicioso projeto da empresa. “O PicPay não é só um supeapp ou um serviço financeiro. É muito mais do que isso. Não dá para dizer que o PicPay é uma startup, é outra realidade”, afirma o executivo.

A companhia se prepara para fortalecer seu marketplace, criar uma plataforma de investimentos, uma área de advertising, o peer-to-peer lending, entre outras medidas. Recentemente, José Antônio Batista, o presidente da empresa, detalhou o plano ao NeoFeed. “Seremos a primeira big tech brasileira”, disse Batista. “O PicPay será o WeChat do Ocidente.”

Nos últimos tempos, a empresa trouxe, além de Eduardo Chedid, experientes executivos como Phillip Klien, para tocar a vice-presidência de marketing e growth, e Fábio Plein, ex-Uber, para cuidar do marketplace.

Leia também